M

Como minimizar os impactos da crise na hotelaria

Preparamos um guia gratuito com dicas e sugestões para auxiliar seu hotel e pousada a minimizar os impactos da Covid-19 na hotelaria.

Nos últimos dias fomos impactados por um inimigo chamado coronavírus e o primeiro setor que sofreu esse impacto e de forma muito rápida foi o turismo. Viagens, voos e reservas canceladas ou remarcadas. A temporada de verão no litoral que vinha se desenhando como uma das melhores dos últimos 3 anos teve que ser paralisada de forma abrupta. A temporada de inverno que iria começar nem teve tempo de reagir. Ações de divulgação dos pacotes para este ano que tinha uma dezena de feriadões foram paradas e nada se pode fazer. Na verdade, algumas ações podem ser tomadas para minimizar os impactos da crise na hotelaria e vamos falar sobre isso neste post.

Guia para minimizar os impactos da covid-19 na hotelaria

O impacto da crise

Poucos dados foram divulgados referente as perdas no turismo devido à crise. A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) estima que somente a primeira quinzena de março teve uma queda de 16,7% de receita comparado ao ano passado, que corresponde a uma perda de R$ 2,2 bilhões e redução de 115,6 mil empregos formais. Mas qualquer projeção sobre perdas de faturamento e empregos neste momento será apenas especulação ou estimativas. O que se sabe é que todo setor está sofrendo e muito com essa crise e toda cadeia que envolve o turismo sofre junto.

Taxa de ocupação em hotéis e pousadas com a crise

A temporada de verão no litoral estava se desenhando como uma das melhores dos últimos 3 anos, mesmo com a crise na Argentina o fluxo de turistas estava sendo superior e diárias médias acima do ano anterior, tudo estava vindo bem até meados de março quando o isolamento social se iniciou. As taxas de ocupação que estavam acima dos 80% no litoral simplesmente caíram a zero. O mês de abril, principalmente a páscoa estavam com excelente ocupação e previsão de faturamento superior aos anos anteriores, porém nada disso se concretizou. Hoje a rede hoteleira na crise amarga taxas de ocupação zerada. O turismo de inverno também foi impactado, as viagens da temporada de inverno são uma incógnita e o mercado não tem reagido devido as restrições impostas pelo Estado devido ao coronavírus.

Mas afinal, pouco se pode fazer além de esperar neste momento, certo? Não é bem assim, abaixo vamos elencar algumas ações que você pode – e deve – fazer para minimizar os impactos do coronavírus na sua pousada ou hotel com o auxílio através do marketing hoteleiro.

Baixe agora o guia com dicas que preparamos para você minimizar os impactos da crise na hotelaria durante e após a pandemia. GUIA GESTÃO DE CRISE EM POUSADAS E HOTÉIS

Guia para minimizar os impactos da crise na hotelaria na pandemia

Mantenha suas informações atualizadas

Aproveite esse momento para atualizar suas informações no site da pousada ou hotel, atualize suas informações no Google Meu Negócio. Nas OTA’s (Online Travel Agencies, ou Agência de Viagem Online) reveja as fotos que estão em destaque e remova fotos muito antigas, revise e melhore a descrição de cada item. Nas redes sociais reveja se tudo está correto e atualizado também.

Reveja suas tarifas e promoções

Esse é o momento ideal para você revisar as suas tarifas, não estou falando de desconto ou baixar preço, na verdade evite baixá-los. Uma tendência já prevista é a guerra de preços quando o mercado começar a se aquecer, evite entrar nesse barco sem fundo. Quando mexemos nas tarifas – tanto para baixo como para cima – mudamos nosso público e muitas vezes baixar os valores irá trazer um turista que não é o que você procura.

Fortaleça as suas parcerias

Neste momento toda a cadeia do turismo está parada. Passeios, tours, parques, guias, lojas e até os restaurantes estão sofrendo muito com a falta de turistas. Esse é o momento ideal para você fortalecer ou criar parcerias para quando o mercado retomar. Fortalecer o mercado local irá fazer com que a recuperação do mercado seja muito mais rápida. Uma dica, ao invés de dar desconto, como falamos acima, inclua um passeio ou uma refeição numa empresa parceira, todos saem ganhando, você, o parceiro e o seu cliente.

Mantenha sua disponibilidade aberta

Sabemos que a curto prazo as chances de reservas são pequenas. As estimativas mais pessimistas dizem que irá durar mais alguns meses para que tudo volte à normalidade. Então deixe sua disponibilidade aberta pelo menos 12 meses no seu motor de reservas e nas OTA’s, assim o cliente terá referencias para pesquisar e reservar seu hotel ou pousada, podendo organizar com mais calma a próxima viagem dele.

Comunique suas ações

Mantenha seus clientes e seguidores atualizados sobre suas ações e medidas que estão sendo tomadas para curto, médio e longo prazo. Informe através de e-mail marketing e nas redes sociais os cuidados que você está tomando para proteção da sua equipe e dos clientes. Tome cuidado com a linguagem e tom de voz que você usa nestes comunicados e postagens.

Procure ajuda com especialistas

Estar próximo da sua agência de marketing neste momento é muito importante. Use toda experiência dela para propor mudanças no planejamento e ações a curto, médio e longo prazo. Alinhe as estratégias e monitore cada ação repassando os resultados para ter maior sucesso sem perder muito tempo e otimizar os esforços.

Se você não tem uma agência, esse é o momento para contratar uma para cuidar de suas ações futuras. Conheça a Tribuzana Marketing, somos especialistas em marketing para hotéis e pousadas.

Neste material trouxemos algumas dicas e sugestões com objetivo de minimizar os impactos da crise na hotelaria. São ações que entendemos como necessárias neste momento para sair desta crise de forma saudável e o mais rápido possível.

Se quiser se profundar mais sobre como vencer a crise, baixe nosso e-book gratuito com diversas dicas e sugestões sobre Gestão de Crise em Pousadas e Hotéis . Escrevemos ele com carinho e atenção para ajudar você nesse momento, baixe agora e boa leitura.

Guia para minimizar os impactos da crise na hotelaria na pandemia
Comentários do Facebook
Open chat
1
Olá, vamos conversar sobre marketing digital?
Fale agora com nossos consultores